sábado, 13 de dezembro de 2008

Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos.
É ter coragem para ouvir um “não“.
Ser feliz é deixar viver a criança livre,
alegre e simples que mora dentro e cada um de nós.
É ter maturidade para falar “eu errei“.
É ter ousadia para dizer “me perdoe“.
É ter sensibilidade para expressar “eu preciso de você“.
É ter capacidade de dizer “eu te amo“.
Jamais desista de si mesmo.
Jamais desista das pessoas que você ama.
Jamais desista de ser feliz, pois a vida
é um espetáculo imperdível...

Um comentário:

IC disse...

hi again,

did you write this too? very nice.

louis